terça-feira, 30 de março de 2010

O jogo da vida



Perdi muita força
mas não recebi "game over"
e consegui mudar de fase.
Sensação de vitória
que não indica ponto final,
mas a chegada
de uma nova missão a cumprir
sem dicas, nem atalhos
buscando caminhos passo a passo
guiada pelo meu senso incomum
a mercê de regras desconhecidas.
Vou ultrapassando limites,
ascendendo,
nesse lindo 
jogo 
da vida...

Um comentário:

Pablo Gustavo disse...

E com vitórias e derrotas vamos seguindo até vencermos completamente!! Parabéns pela Bela Poesia!!